Ninkasi, a Deusa da Cerveja

Ninkasi é a antiga deusa sumeriana da cerveja, que transformou uma mistura de água e cevada em um líquido dourado, conhecido hoje como cerveja.

Era uma deusa muito popular que fornecia cerveja aos deuses. Ela era considerada a própria personificação da cerveja.

Receba as postagens do Ninkasi Beer Club no seu e-mail!

sexta-feira, 18 de dezembro de 2015

Colarinho em vez de bolinhas

Para um Natal mais criativo e refrescante, cerveja é alternativa aos espumantes. A beer sommelier da Therezópolis dá dicas de harmonização



Se as comidas das ceias de fim de ano não variam muito, o jeito é surpreender nas bebidas. Uma opção é trocar os espumantes e outros vinhos pelas cervejas. A beer sommelier da Cerveja Therezópolis, Bárbara Cunha, sugere o estilo de cerveja especial perfeita para cada prato.

Algumas dicas são fundamentais na escolha da cerveja para as refeições. Para a entrada, as castanhas, nozes e frutas secas pedem cervejas mais adocicadas, que podem variar entre os estilos de lager, bock ou strong ale.

Na hora da ceia, quem optar pelo tradicional bacalhau pode escolher uma cerveja no estilo american ale, witibier ou english pale ale. Para acompanhar o pernil, carne forte e mais gordurosa, uma bebida adocicada e com alto teor alcoólico é uma boa pedida. O estilo pode ser uma strong ale.

O panetone na sobremesa combina bem com uma cerveja Dunkel. Já a tradicional rabanada deve ser servida com cerveja de alto amargor e adocicada, como a Bock.

1- Lager
O estilo tem uma versatilidade que permite acompanhar muito bem os pratos da cozinha asiática, peixes delicados, frutos do mar, crustáceos, assim como, castanhas, frutas secas, pizzas, massas com molhos leves, queijos leves, salsichas brancas, salames e os famosos petiscos brasileiros.

2- German Weizen
É uma cerveja de trigo elaborada segundo o tradicional método da região sul da Alemanha, produzida com água mineral, puros maltes de trigo e cevada, lúpulo e levedura de alta fermentação. O estilo é perfeito para acompanhar, pratos levemente condimentados, como bolinho de bacalhau, frutos do mar, aves, saladas, weisswurst (salsicha branca) com mostardas apimentadas, pretzel, queijos de cabra leves, além de caviar e scargot.

3- Bock
Estilo de baixa fermentação e maturação prolongada, corpo denso e creme persistente, seu aroma traz notas de ameixa preta, café e toffee. A densidade da cerveja pede os sabores das carnes de carneiro, coelho ou avestruz, massas com molho semipicantes, peixes (hadoque ou salmão), hummus tahine e pretzel, mas também é perfeita para a degustação das tradicionais rabanadas, nozes e frutas secas.

4- India Pale Ale
Cerveja refrescante, de coloração acobreada, aroma cítrico, frutado e gosto mais amargo, proveniente de doses extras dos três lúpulos Americanos. Combina com peru com molho de manjericão, carnes assadas, hambúrguer, comida mexicana, comida indiana, queijo roquefort, gorgonzola e gouda.

5- American Pale Ale
O estilo tem toda a refrescância dos lúpulos americanos, com aroma cítrico, levemente frutado. A cerveja combina com bacalhau e outros frutos do mar, como camarão, lula e mariscos; queijos gongorzola e roquefort; curry; e bolos.

Fonte: RPM Comunicação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por comentar!
Cheers!
Ninkasi Beer Club