Ninkasi, a Deusa da Cerveja

Ninkasi é a antiga deusa sumeriana da cerveja, que transformou uma mistura de água e cevada em um líquido dourado, conhecido hoje como cerveja.

Era uma deusa muito popular que fornecia cerveja aos deuses. Ela era considerada a própria personificação da cerveja.

Receba as postagens do Ninkasi Beer Club no seu e-mail!

terça-feira, 31 de janeiro de 2017

Novas cervejas artesanais chegam às lojas da rede Mestre-Cervejeiro.com

Entre os rótulos recém-chegados estão os da Stone Brewing, Newcastle Brown Ale e Das Bier

A rede de franquias de cervejas artesanais Mestre-Cervejeiro.com acaba de receber algumas novidades fresquinhas. Além da Newcastle Brown Ale, clássica cerveja inglesa que encerra um longo hiato sem vir ao Brasil, chegam às lojas a linha da norteamericana Stone Brewing e da brasileira Das Bier, de Santa Catarina.

Há muito tempo aguardada pelo público brasileiro, a cultuada cervejaria californiana Stone Brewing chegou ao Brasil oficialmente em janeiro de 2017 em lojas selecionadas, entre elas, algumas da rede Mestre-Cervejeiro.com. Dos doze rótulos recém-chegados, alguns destaques são: Stone IPA, carro-chefe da cervejaria; HiFi+LoFi Mixtape, parte da linha experimental Stochasticity Project; além de outros como a lupulada Ruination 2.0, a cremosa Coffee Milk Stout e a intensa Arrogant Bastard Ale.

Outra cerveja recém-chegada, embora não seja inédita, é a Newcastle Brown Ale, produzida em Newscatle na Inglaterra. Clássico exemplar do estilo English Brown Ale, está de volta ao Brasil e já pode ser encontrada nas lojas da rede Mestre-Cervejeiro.com. Possui coloração âmbar e espuma fina de média duração. Seu aroma é maltado, remetendo a caramelo e castanhas. No paladar traz um leve amargor, equilibrado com o dulçor residual. Uma cerveja leve e saborosa, com apenas 4,7% de teor alcoólico. Harmoniza perfeitamente com queijo gouda ou carneiro assado ao molho de hortelã.

Além das importadas, também chegam às lojas da rede rótulos da cervejaria catarinense Das Bier, que desde sua fundação em 2006 vinha trabalhando com foco no envase em barris e recentemente passou a envasar suas cervejas em garrafas de 500 ml. Alguns dos rótulos disponíveis nas lojas Mestre-Cervejeiro.com são: Braunes Ale, Stark Bier, Australian Pale Ale, Roggen Kölsch, Märzen Bier, entre outros.

A rede Mestre-Cervejeiro.com possui 60 unidades em funcionamento no país. Para saber qual é a mais próxima de você, acesse: http://www.mestre-cervejeiro.com/enderecos/.

Fonte: ÔNIXPress

Erdinger Weissbier - Degustação nº 848


A Erdinger Weissbier é uma cerveja de trigo premium, e carro-chefe da cervejaria Erdinger, que inaugurou o segmento de Weissbier no Brasil.

Cervejaria: Erdinger
Origem: Alemanha
ABV(%): 5,5
Estilo: German Weizen
Embalagem: Lata de 500 ml

Cerveja de coloração dourada, turva, com espuma branca, ótima formação, persistente e sem transição de renda no copo e presença de partículas em suspensão.

No nariz, aroma frutado, pêra e banana, além de mel, cereais, além de leve aroma de cravo. No sabor, o dulçor é moderado e há uma leve acidez. 

Corpo médio-baixo e carbonatação mediana. Aftertaste médio e levemente adocicado. Cerveja com alto drinkability. Bem refrescante!

Ein Prosit!

Capitu Amber Ale - Degustação nº 847


Encantadora fusão de maltes caramelos com o perfumado cítrico e frutado dos lúpulos norte-americanos. Nessa combinação, não deixamos de contemplar certas virtudes da escola cervejeira européia, em busca de um maior equilíbrio entre os elementos sensoriais.

Cervajaria: Capitu
Origem: São Paulo-SP (Brasil)
ABV(%): 6,2
Estilo: American Amber Ale
Embalagem: Garrafa de 310 ml

É uma cerveja de coloração âmbar médio e corpo nublado. Sua espuma de cor bege apresentou ótima formação e persistência, com uma boa transição de renda no copo.

No aroma, o malte remete a caramelo e leve tostado. O lúpulo está presente de forma média e é cítrico, com notas de laranja e maracujá. O sabor acompanha o aroma, com dulçor e margor médios e em equilíbrio.

O aftertaste é duradouro e amargo. Corpo leve, média rescência e textura macia. Cerveja com alto drinkability. Boa cerveja!

Saúde!
Luiz Araújo

Pe'Ahi Blonde Ale - Degustação nº 846


O restaurante japonês Pe’ahi, localizado na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro, que já tem cerveja artesanal própria, uma Amber Ale, com o mesmo nome do restaurante, em pouco tempo de existência ganhou destaque e agrada o paladar dos mais exigentes. Diante do sucesso da primeira versão, eles agora lançaram uma Blonde Ale. “A Pe’ahi blonde ale é ideal para dias com sol. Ideal para um dia depois do surf,” dá a dica Pedro Lucca, o mestre cervejeiro.

Cervejaria: Pe’ahi
Origem: Rio de Janeiro-RJ (Brasil)
ABV(%): 5,2
Estilo: Blonde Ale
Embalagem: Garrafa de 300 ml

É uma cerveja de coloração dourado, com corpo turvo. Apresentou boa coroa de espuma, de cor marfim, boa persistência formando um excelente belgian lace no copo.

No aroma o malte remete a presença de cereais e mel. O lúpulo é floral, cítrico e percebe-se ainda notas de frutas amarelas.  O sabor acompanha o aroma, com equilíbrio entre o dulçor e amargor, moderados. 

O aftertaste é duradouro e levemente amargo. Corpo leve, textura macia e rescência média. Cerveja com bom drinkability! Boa cerva!

Salute!
Luiz Araújo

segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

Carnaval: Acerte na Cerveja e curta o melhor da folia

A Mestre-Cervejeiro.com Session Porter é excelente pedida para o período de festas mais esperado pelos brasileiros

A indicação de uma cerveja Porter para o Carnaval pode surpreender os apreciadores mais tradicionais. Uma cerveja escura, para se tomar no verão? Sim! A Mestre-Cervejeiro.com Session Porter é uma ótima opção para quem quer uma cerveja leve e, ao mesmo tempo, bastante saborosa para este carnaval.

Com teor alcoólico de apenas 3,8%, essa cerveja segue à risca a proposta das Session Beers: manter as características sensoriais do estilo-base, neste caso o estilo britânico Porter, porém reduzindo o teor alcoólico. A adição de maltes torrados e cacau belga em sua receita traz gostos de chocolate escuro e café, enquanto o corpo leve, baixo dulçor e saboroso amargor fazem da Mestre-Cervejeiro.com Session Porter uma cerveja muito fácil de beber. E o melhor: com ela, o churrasco com a galera está garantido. Esse rótulo harmoniza perfeitamente com espetinho de alcatra com legumes e bacon feito na brasa.

Primeira cerveja de marca própria da rede Mestre-Cervejeiro.com, a Session Porter foi criada em 2014 para celebrar o aniversário de 10 anos da rede. A receita, assinada pela Dum Cervejaria, já garantiu prêmios nacionais e internacionais nos dois concursos em que foi inscrita até hoje: prata no South Beer Cup 2015, na Argentina, e prata no Concurso Brasileiro de Cervejas 2016, em Blumenau/SC.

A Mestre-Cervejeiro.com Session Porter pode ser encontrada na opção individual - só a garrafa de 600 ml - ou em kits que incluem também o copo próprio da cerveja, feito pela Cristal Blumenau.​ Disponível somente nas lojas da rede - para endereços e contatos, acesse http://www.mestre-cervejeiro.com/lojas/.

Fonte: ÔNIXPress

O Anthrax é mais uma banda a ter sua própria cerveja


Depois de uma série de bandas lançar sua própria marca de cerveja, chegou a vez do Anthrax entrar no mercado. Em parceria com a New York’s Butternuts Beer & Ale Brewery, os caras criaram a cerveja Wardance.

A bebida que tem 5.5% de álcool é descrita em sua nota oficial de lançamento como “cerveja notável com caráter único.”

“Eu já queria fazer a nossa própria cerveja há muito tempo, era uma questão de encontrar o cara certo para torná-la realidade. Sou um fã da Butternuts, especialmente da Porkslap Pale Ale, e quando descobri que Chuck estava interessado em fazer uma cerveja com a gente, eu imediatamente disse sim,” comentou Scott Ian sobre a parceria com o dono da cervejaria Butternuts.

“Encontrar o sabor perfeito que todos nós gostássemos foi muito importante, mas também foi importante que a cerveja não deixasse as pessoas se sentindo pesadas ou muito cheias após o consumo. Outra coisa que amo na nossa cerveja é que ela acompanha um hambúrguer muito bem,” comentou Charlie Benante.

A Wardance chegará às lojas, bares e restaurantes de Nova York a partir do dia 27 de março. O Anthrax ainda planeja o lançamento da cerveja em outras cidades dos Estados Unidos.

Fonte: Rockline
http://portalrockline.com.br/o-anthrax-e-mais-uma-banda-ter-sua-propria-cerveja

sexta-feira, 27 de janeiro de 2017

Roteiro Gastronômico deixará Blumenau mais saborosa no mês de fevereiro

Evento ocorre em 32 estabelecimentos da cidade, do dia 1º a 28 de fevereiro. Todos os participantes tiveram que criar um prato inédito no cardápio ou nova forma de apresentação, exclusivamente para o evento.

A 8ª edição do Roteiro Blumenau Gastronômico (www.blumenaugastronomico.com.br) promovido pela Sol Eventos, com intuito de movimentar o turismo gastronômico, valorizar a culinária e produtos locais, acontecerá entre os dias 1º e 28 de fevereiro, em 32 estabelecimentos da cidade, divididos entre restaurantes, redes de fast food, bares, botecos e confeitarias. Para participar, o evento exigiu que cada estabelecimento desenvolvesse um prato exclusivo ou uma nova forma de apresentação para o consumo. Os preços desta edição variam de R$ 8,90 a R$ 69,90. 

De acordo com o organizador, Develon da Rocha, a expectativa é atingir pessoas de todas as classes com pratos diversificados e valores acessíveis, atraindo turistas de várias partes de Santa Catarina e do Brasil. “Vamos dar a oportunidade para que o público vá ate o estabelecimento e conheça um pouco mais da culinária local”, acrescenta Rocha.

Durante o Roteiro Blumenau Gastronômico, a cultura, a gastronomia e o turismo vão se encontrar em Blumenau. "O Roteiro Gastronômico é de extrema importância para Blumenau, já que valoriza nossa gastronomia, segmento responsável por atrair muitos turistas. Além disso, em um momento de crise pelo qual o Brasil passa, a iniciativa é uma excelente maneira de fomentar o consumo e proporcionar maior movimentação em estabelecimentos de Blumenau", destaca Ricardo Stodieck, presidente do Parque Vila Germânica e Secretário de Turismo.

Concurso de Voto Popular

Como parte da programação do roteiro, ocorrerá um concurso gastronômico de voto popular, pelo portal http://blumenaugastronomico.com.br/. Basta acessar, escolher o prato que mais agradou durante o festival e realizar a votação.

“O concurso tem o objetivo de mostrar para os estabelecimentos um retorno da população, como resultado de todo o investimento em criar o novo prato ou eleger um prato já existente com uma condição especial para o roteiro”, afirma Rocha. O resultado será divulgado após o término do Roteiro Blumenau Gastronômico, no site do evento.

Roteiro

Para facilitar a movimentação durante a 8ª edição do Roteiro Blumenau Gastronômico, está disponível no portal, o roteiro online (roteiro.blumenaugastronomico.com.br/roteiro/), com o objetivo de orientar os moradores e turistas sobre pratos disponíveis, a localização dos estabelecimentos, horários de funcionamento e outras informações.

Pedidos online

Além do roteiro online, o público que preferir consumir os pratos do evento no conforto de casa ainda terá a opção de pedidos on-line nos estabelecimentos que possuem delivery, por meio do portal http://www.deliverymuch.com.br/, parceiro do Roteiro Blumenau Gastronômico. A grande novidade é que os pedidos de pratos que integram o roteiro não terão taxa de entrega.

Serviço
8ª edição do Roteiro Blumenau Gastronômico
Dia: 1º a 28 de fevereiro

Acompanhe em:
facebook.com/blumenaugastronomico
instagram.com/blumenaugastronomico
blumenaugastronomico.com.br

Fonte: Presse Comunicação Empresarial

Rio Bier Festival está de volta ao Città America

Evento gratuito, que acontece de 03 a 05 de fevereiro, reúne as melhores cervejas nacionais e internacionais na Barra da Tijuca 

Depois do sucesso das edições anteriores, que reuniu mais de 12 mil pessoas durante os meses de março e maio de 2016, o Rio Bier Festival volta ao Città America para a alegria dos fãs da loira, da ruiva e da black geladas. Entre os dias 03 e 05 de fevereiro, a terceira edição do evento terá cerveja para todos os gostos e paladares. 

Mais de 250 rótulos de cervejas artesanais e importadas estarão presentes no evento, entre elas Antuérpia, Krug Bier, Haus Bier, Noi Cervejaria, Cidade Imperial, Therezópolis, Saidera e BeerTruck. Outra bebida importada que estará no evento é a Jacobinus, uma das cervejas mais antigas do mundo, feita por monges no ano de 1369, no mosteiro de Eschwege, na Alemanha, e que vem se aperfeiçoando através dos séculos. 

Além de conhecer as melhores cervejas artesanais do Brasil e do mundo, os visitantes poderão harmonizá-las com diferentes comidinhas, como os sanduíches gourmet do “Guten Truck” , as maravilhosas batatas fritas espirais do “Caracoles” e os suculentos hambúrgueres artesanais do “Monstruck, do novíssimo “Skull Burgers”, os gratinados do “Vulcano”. Além do típico “American BBQ” do duo de DJs cariocas “Mindthegap”, que servirão suas guloseimas ao som de música eletrônica underground em um lounge super bacana.

A programação ainda conta com shows de rock e pop com as bandas “Bed of Roses” com um tributo a Bon Jovi arrepiante, “Deia Cassali”, que abriu shows da banda Capital Inicial, “Mariana Elis”, “Banda Lamutes”, “Outubro69”, uma área kids, sorteio de brindes, entre outras atrações.

A Praça de Alimentação do Città America também estará aberta durante o festival, oferecendo mais opções gastronômicas aos visitantes, com seu amplo mix de restaurantes. Tudo isso com entrada gratuita, na área externa dos Offices no Shopping Città America.

Serviço - Rio Bier Festival no Città America
Data: de 03 a 05 de fevereiro
Horário: Sexta-feira das 18h às 23h │Sábado das 14h às 23h │Domingo das 17h às 22h.
Local: Área externa do Città America - Av. das Américas, 700 - Barra da Tijuca

Fonte: Canal Comunicação

Oceânica Yellow Cloud - NE inspired APA


Esta semana a Oceânica envasou em lata a cerveja #2 da série Oceânica Experience: a Yellow Cloud. Os primeiros lançamentos vão acontecer no próximo domingo, 29/01. Serão dois eventos simultâneos, no Brewteco Leblon e no Armazém São Jorge, em Icaraí. No início da próxima semana iniciará a distribuição nos clientes do Rio e de Niterói. Acompanhe pelas redes sociais.

Ela é uma New England American Pale Ale e utiliza quantidades absurdas de Citra e Mosaic em um duplo Dry Hopping de um mosto fermentado pela levedura London Ale III. Sua turbidez é resultado da utilização de técnicas e ingredientes que equilibram a intensidade dos lúpulos.

A decisão pela utilização da London Ale III se deu não só pelas notas de frutas que ela traz para o sabor e aroma, que complementam as características dos lúpulos usados, mas também pelo equilíbrio na sensação de boca que ela propicia. Estas características aliadas à um tratamento específico da água e ao perfil grãos utilizados agrega à Yellow Cloud tudo que uma ótima APA deve ter.

Começou hoje o cadastro para pré-venda das latas no site do Bro's Beer. É só se cadastrar no site deles para receber o link. A ação será realizada de sexta a domingo.

Fonte: Cerveja Oceânica

Santa Catarina ganha mais uma cigana: Cervejaria 181

A inauguração ocorre neste sábado, em Balneário Camburiú.

Uma amizade nascida há mais de 10 anos de quatro boêmios que compartilham da paixão pela cerveja artesanal não poderia resultar em outra coisa: a criação da própria cervejaria. Tudo começou em 2013, quando Diego Morosi, Edson Santos, Emanuel Baleroni Cajal e Rossano Linassi se reuniram no prédio 181, onde Diego morava, em Itapema/SC, para preparar suas primeiras receitas caseiras. Após três anos adquirindo aprendizado e experiências no meio cervejeiro, nasceu a Cervejaria 181 (SC).

A cervejaria será inaugurada neste sábado, dia 28/01 em um avento aberto que acontece no Argos Gastropub, em Balneário Camboriú/SC. As principais atrações – os dois rótulos da 181 – serão apresentados juntamente com dois pratos para cada estilo de cerveja, pensando na harmonização. Também ocorrerá no evento uma brasagem aberta. “Há dois anos estamos trabalhando para esse dia, buscamos os melhores parceiros e os melhores profissionais para entregar ao público uma grande cerveja. O evento também foi pensado para mostrar ao público como tudo começou e onde chegamos até agora, por isso faremos uma brassagem no local, nas panelas em que começamos e, ao mesmo tempo, todos poderão provar o resultado disso nas torneiras do Argos”, comenta Emanuel.

Com receitas pensadas pelos próprios sócios, os rótulos da cigana são produzidos na cervejaria Kairós (SC) e distribuídos em casas especializadas em cervejas da região. O primeiro é uma English IPA com notas cítricas e frutadas. O segundo rótulo é a Ginger Lager, uma Vienna Lager que leva gengibre em sua receita.

O Argos Gastropub fica na Rua 3618, nº 20, Centro – Balneário Camboriú/SC e a inauguração ocorre no dia 28 de janeiro, a partir das 11h.

Fonte: Revista da Cerveja

Vejam como foi o lançamento da primeira My Growler Station no Rio de Janeiro!

Fotos: oqueonde

Na última quarta-feira, dia 25 estive no lançamento da primeira My Growler Station no Rio de Janeiro, que aconteceu no Bar São Bartolomeu - RJ, conhecido também como Bartô, no bairro do Rio Comprido, com direito a uma seleção de chopes da Cervejaria São Bartolomeu, além de petiscos e deliciosos hambúrgueres.

Foto: oqueonde

Ao chegar, de cara o ambiente já chamou a minha atenção. O Bar está instalado no local onde funcionou um antigo armarinho, a Casa Santa Isabel, cuja fachada e várias características do interior original foram mantidos. 

O bar é uma filial da matriz que fica em Juiz de Fora e foi inaugurado em maio de 2016. O ambiente remete a antigos armarinhos, mercearias e bodegas do século passado, com móveis, armários e estantes altas, mesas de madeira de demolição, paredes com tijolos aparentes, além do piso feito com azulejo hidráulico. A decoração vintage é um verdadeiro charme a parte!


Foto: oqueonde

O cardápio conta com boas opções de hambúrgueres, batatas rústicas e variados petiscos e molhos especiais. Experimentei o bolinho de costela e o mini hambúrguer, que vem com três sanduíches sendo um com chedar, outro com gorgonzola e o último com shitake, tudo delicioso!

Foto: oqueonde

A carta de chopes não é fixa (umas nove torneiras), mas sempre conta com uma boa variedade das criações da Cervejaria São Bartolomeu. Experimentei cinco estilos diferentes, todos muito bons e bem executados, com destaque para a Copacabana, com chá mate e limão. Como o bar é de origem mineira, tem cachaça também, é claro!!!

Foto: oqueonde

O evento do dia 25 marcou a inauguração da Growler Station do Bar São Bartolomeu, em parceria com a My Growler, sendo a primeira no Rio de Janeiro. A Growler Station aposta na nova tendência no mercado cervejeiro, que permite ao consumidor levar sua cerveja preferida pra casa, fresca e num preço justíssimo! Além disso, os Growlers ficaram lindos, especialmente pelo simpático porquinho, símbolo do bar e da cervejaria, estampado no mesmo.

Foto: oqueonde

Tive o prazer de ser convidado pela Bianca Persici do My Growler, e no Bartô além de ser muito bem recebido pelo Rodolpho e seu staff pude compartilhar de ótimos momentos e um papo super agradável regado a cerveja é claro, com Alexandre Vaz e Lucas Wenzel, sócios e cervejeiros da cervejaria São Bartolomeu e os amigos e parceiros do Blog oqueonde, também presentes no evento, e que fizeram essas belas fotos.

Uma noite super agradável e que deixou um gostinho de quero mais! Está mais que aprovado e com o selo de qualidade Ninkasi! Vale a visita para beber boas cervejas ou levá-las para casa!!!

Rua Barão de Itapagipe, 118, Tijuca, 20261-005 Rio de Janeiro

Cervejaria São Bartolomeu
A Cervejaria São Bartolomeu segue a Escola Americana de Cerveja, que se destaca principalmente por não ser somente uma escola no singular. A grande peculiaridade da Escola Americana é o fato de ela ter incorporado todas as três tradicionais escolas cervejeiras (belga, inglesa e alemã) em uma completamente nova. As cervejas americanas são caracterizadas pela nova interpretação de estilos já existentes, nossas cervejas são mais amargas, mais alcoólicas, mais encorpadas, mais robustas, com mais lúpulo e ingredientes incomuns, como abóbora e pão, sempre tentando criar algo novo e com aquela personalidade característica.

My Growler
A My Growler é uma empresa que está promovendo a cultura do growler no Brasil. Seu objetivo é revolucionar o consumo da cerveja ao criar um novo tipo de relacionamento no mercado, aumentando a receita das microcervejarias e reduzindo custo para o consumidor final, que vai pagar apenas pelo líquido. A My Growler vende growlers direto ao consumidor final por meio de sua loja virtual e para revendas como microcervejarias e brewpubs.

quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

Way Double American Pale Ale - Degustação nº 845


Os estilos “double” ou “imperial” significam que a cerveja é uma base duplicada, ou seja, a receita de uma apa tradicional com mais malte, lúpulo, álcool, amargor etc.. A Way Double APA é duas vezes mais maltada e mais lupulada que sua APA.

Cervejaria: Way Beer
Origem: Pinhais-PR (Brasil)
ABV(%): 8,8
Estilo: Double American Pale Ale (IPA)
Embalagem: Garrafa de 310 ml

É uma cerveja de coloração âmbar, com corpo límpido. Sua espuma cremosa de cor marfim apresentou boa formação e estabilidade, com uma boa transição de renda no copo. 

No aroma, o malte remete a cereal, biscoito, caramelo e leve tostado. O lúpulo é intenso, cítrico, com notas de maracujá e laranja. O álcool está bem inserido. O sabor acompanha o aroma, com dulçor leve e bom amargor. 

O retrogosto é duradouro, amargo e seco. Corpo médio-baixo e rescência mediana. Cerveja com médio drinkability. Muito boa!

Saúde!
Luiz Araújo 

Blondine Hop Damage Imperial IPA - Degustação nº 844



Uma American IPA extrema, ideal para os amantes do lúpulo.

Cervejaria: Blondine
Origem: Itupeva-SP (Brasil)
ABV(%): 7,5
Estilo: Imperial / Double IPA
Embalagem: Garrafa de 310 ml

Apresentou coloração alaranjada, com corpo turvo. Sua espuma de cor bege apresentou ótima formação com duração persistente e bom belgian lace.

No aroma, o malte remete a caramelo, leve tostado, de forma média. O lúpulo está presente de forma marcante e é bastante cítrico, perfumado, com notas de maracujá, laranja e grapefruit. O álcool é bem inserido. No sabor o amargor é intenso com um leve dulçor de contraponto. 

O retrogosto é longo, amargo e seco. Tem médio corpo e rescência alta. A cerveja possui médio drinkability. Boa cerveja!

Cheers!
Luiz Araújo

Alimente Seu Lado Gourmet - FooDivine

Plataforma inovadora FooDivine facilita acesso a produtos artesanais e gourmet

Cada vez mais valorizada pelos amantes da boa mesa, a produção artesanal anda ganhando espaço, mercado e adeptos, porém o grande público ainda esbarra em dificuldades na hora de encontrar esses produtos no comércio varejista. O obstáculo se revela ainda maior quando itens como queijos artesanais, carnes premium, pães sem glúten, produtos sem lactose, embutidos e charcutaria de pequenos produtores, cervejas artesanais, geleias, compotas, entre outros produtos, precisam ser encontrados em um só lugar.

A FooDivine foi criada justamente para facilitar o acesso à essa cultura regional, que se expressa através da gastronomia, bem como a produção artesanal, com seu frescor, exclusividade e sabor, aliando esses elementos à praticidade do delivery.

Alguns parceiros como Paradis, Queijo com Prosa, Empório São Roque, BBQ Shop, Praticità, Pote Verde, Leve a Mesa, Devas, Purifica, as melhores cervejas do Mundo e Beer Underground, disponibilizam produtos que são entregues em horários marcados previamente, uma ótima solução para pequenos eventos em casa e, até mesmo, para o consumo diário de insumos seletos que são entregues em pelo menos uma hora. A FooDivine também é a primeira pronta entrega virtual de cervejas artesanais no Rio de Janeiro.

Visando facilitar o processo de compra, o cadastro, que pode ser feito pelo Facebook, é o primeiro passo para aproveitar ao marketplace, além disso, o site identifica a região do cliente através do CEP, a partir daí somente os produtores que entregam na área selecionada ficarão listados, sempre por categorias escolhidas antecipadamente pelos compradores. A plataforma permite ainda avaliação dos usuários por produto, e agendamento de dia e horário de entrega. FooDivine pode ser utilizada pelo navegador e também aplicativo exclusivo lançado recentemente, que já está disponível para download na App Store e Play Store.

Serviço
FooDivine
Instagram: @thefoodivine
Facebook/thefoodivine

Fonte: Tratto Comunicação

​​​34ª Festa Pomerana termina com crescimento para a Schornstein

Vendas foram 6% superiores à última edição. Investimento em espaços diferenciados e crescimento dos estilos além do Pilsen foram destaques da marca no evento

A 34ª Festa Pomerana terminou no último domingo (22) e com saldo positivo para a Schornstein. A cervejaria de Pomerode (SC), que foi a marca oficial do evento pelo terceiro ano consecutivo, registrou um aumento de 6% na venda de chope. O resultado é considerado bom, e, segundo o diretor executivo Adilson Altrão, foi motivado pelos investimentos na comunicação dos pontos de vendas.

"Nós tivemos a estreia das nossas kombis servindo chope e projetos diferentes para cada espaço. A Schornstein chamou a atenção do público visualmente e, depois que as pessoas provam os nossos produtos, conquistamos embaixadores da marca​. Mais uma vez, atingimos turistas de todo o país que descobriram o sabor das nossas cervejas​", comenta Altrão. O crescimento no consumo dos chopes especiais também foi registrado.

O estilo Kölsch, que a cervejaria produz em edição limitada todos os anos para a Festa Pomerana, foi outro sucesso. "O volume que produzimos foi finalizado no último dia do evento", comenta.


Sobre a Schornstein
Uma das pioneiras da cerveja artesanal no país, a Schornstein surgiu em 2006 na cidade mais alemã do Brasil. O nome da marca significa chaminé, uma das características do prédio onde foi fundada. A matriz da cervejaria fica em Pomerode (SC).

Atualmente, a indústria tem capacidade produtiva de 300 mil litros ao mês graças a uma nova fábrica inaugurada em junho de 2016. Lá são produzidos os os rótulos India Pale Ale, Bock, Weiss, Pilsen Natural, Pilsen Cristal, Stout e Witbier.​

Fonte: Melz Assessoria

Tupiniquim Completely Wicked 3C Saison - Degustação nº 844


Primeira cerveja do mundo a utilizar polpa de cacau, cacau nibs e polpa de cupuaçu (por isso o nome 3C). O criador da receita é Pete Slosberg, um dos pioneiros da revolução cervejeira dos EUA, criador da Pete's Wicked Ale e fundador da empresa de chocolate artesanal Cocoa Pete's Chocolate Adventure.

Cervejaria: Tupiniquim
Origem: Porto Alegre
ABV(%): 4,5
Estilo: Saison
Embalagem: Garrafa de 310 ml

É uma cerveja de coloração amarela e turva. Sua espuma de cor branca apresentou média formação e baixa persistência, sem transição de renda no copo.

No aroma levemente maltado presença de cereais. Notas cítricas, cupuaçu presente e discreto aroma de cacau. O sabor segue o aroma com leve dulçor e acidez em destaque.

O final é médio, ácido e seco. Corpo leve, carbonatação vívida e textura frisante. Boa cerveja, com bom drinkability!

Salute!
Luiz Araújo

Krug Bier lança seu e-commerce! Cerveja artesanal em domicílio!

Krug Bier lança e-commerce com vendas para todo o país

O site da cervejaria mineira, Krug Bier, ganhou mais uma aba. A novidade é o e-commerce lançado pela empresa, com venda dos produtos da marca para todo o Brasil. “O objetivo é chegar a nosso consumidor e alcançar novos apreciadores da marca, por isso, optamos por oferecer mais essa facilidade. Estamos expandindo os negócios para que o degustador de cervejas artesanais possa comprar independente do lugar em que esteja”, afirma Herwig Gangl, sócio diretor da Krug Bier.

Para auxiliar os clientes, a página referente a cada produto reúne informações como tipo da cerveja, amargor, teor alcoólico e harmonização. Outra opção disponível são os kits, ótima escolha para quem procura algo para presentear. O projeto foi desenvolvido pela empresa Melt Comunicação e conta com uma interface simples e objetiva que facilita a navegação.

Mais serviços

Além do e-commerce que acaba de ser criado pela cervejaria, o site apresenta uma relação completa de todos os serviços oferecidos pela empresa. Dentre eles, o delivery com pronta-entrega de chopes e cervejas. Para solicitar o serviço, basta preencher um formulário com informações sobre o que precisa, com até 48 horas de antecedência, para que a equipe entre em contato.

Quem quiser aprender um pouco mais sobre a produção cervejeira pode, ainda, agendar um tour na fábrica na aba “Visite a Fábrica”. Todos os sábado, o mestre cervejeiro Alfredo Figueiredo abre as portas do estabelecimento para mostrar o processo.


Com atuação ativa em dez estados brasileiros, a fábrica da Krug Bier conta com 16 tipos de chopes puro malte, além 15 diferentes rótulos de cervejas. A marca também foi escolhida por Skank e Tianastácia para produzir rótulos que levam os nomes das bandas. No início de 2016, cinco dos oitos rótulos da linha Expressionista (Calúnia, Inocência, Rancor, Remorso e Sarcasmo), minuciosamente pensada e desenvolvida para os grandes apreciadores do produto, chegou ao mercado. Também neste ano, foi inaugurado o Biergarten, amplo espaço junto à fábrica (1200m²), projetado para receber eventos com música boa e, claro, o melhor da cerveja artesanal. 

Todos os produtos estão disponíveis para delivery, revenda, webstore e podem ser degustados nas choperias Krug.

quarta-feira, 25 de janeiro de 2017

Lembrete: É hoje! Lançamento da primeira My Growler Station no Rio de Janeiro


Atenção galera! Passando aqui pra lembrar que é hoje a inauguração da primeira My Growler Station do RJ no Bartô! Será um GROWLER DAY mais que especial, com uma seleção de chopps da Cervejaria São Bartolomeu, para celebrar a estreia dos growlers exclusivos e a chegada da rede My Growler ao RJ.

- Venda de growlers;
- 20% de desconto em todas as torneiras para abastecimento de growler;
- Sorteio de produtos.

Rua Barão de Itapagipe, 118, Tijuca, 20261-005 Rio de Janeiro

Cervejaria Nacional - Primeira "Musa do Verão 2017"

Série de cervejas protagonizada por mulheres começa o ano com jabuticaba como ingrediente principal

Localizada em Pinheiros, a fábrica-bar Cervejaria Nacional inicia 2017 com uma nova receita das “Musas do Verão”. O projeto, que tem como objetivo convidar mulheres do ramo cervejeiro para o preparo de uma sazonal em parceria com o brewpub, prova que cerveja não é só coisa de homem, e que bebida de mulher é a que ela quiser.

Com lançamento no dia 29 de janeiro, as participantes estreantes são Luiza Tolosa, da Cervejaria Dádiva, e Paola Della Mônica, da Realli importadora, em parceria com Patrick Bannwark, mestre cervejeiro da casa. A cerveja da vez é a AlpHa Ácida, de estilo Sour e caracterizada pela acidez da jabuticaba, fruta selecionada para dar o toque tropical, tornando a cerveja levemente azeda e refrescante. A palavra Alpha, por ser a primeira letra do alfabeto grego, foi escolhida para representar a liderança e espaço que as mulheres vêm conquistando cada vez mais no mercado cervejeiro.

A AlpHa Ácida custará R$18,00 (330ml) e R$27,00 (570ml) e será servida em esquema double das 13h às 22h apenas no dia do lançamento. Nos outros dias, o sistema em dobro funciona das 17h às 19h, até esgotarem os estoques.

Serviço:
Cervejaria Nacional – Made in Aqui mesmo!
Endereço: Av. Pedroso de Morais, 604, Pinheiros – São Paulo/SP
Telefone: 11 4305-9368
Telefone para reservas: 11 3034-4318
Horário de funcionamento: segunda a sábado, das 12h a 0h, domingo, das 13h às 22h


Fonte: Anexo Comunicação

Hoffen Golden Eye - Degustação nº 843


Seguindo a lei de pureza alemã, a Golden Eye é uma cerveja de baixa fermentação feita para ser apreciada em momentos especiais.

Cervejaria: Hoffen
Origem: Votorantim-SP (Brasil)
ABV(%): 4,1
Estilo: Premium American Lager
Embalagem: Garrafa de 600 ml

É uma cerveja de coloração dourada, com corpo límpido. Sua espuma de cor branca apresentou média formação e persistência, com boa transição de renda no copo. 

No aroma, leve presença de malte e toque de cereais, mel e panificação. O lúpulo é leve e herbal. No sabor, equilíbrio entre o dulçor do malte e o leve amargor.  

O aftertaste é fugaz, com levíssimo e suave amargo. Corpo leve, textura sedosa e rescência mediana. Cerveja com alto drinkability e bem refrescante.

Um brinde!
Luiz Araújo

terça-feira, 24 de janeiro de 2017

O Grande Salto da Cervejaria Leuven em 2017!

video

A Leuven, cervejaria artesanal de Piracicaba, interior do Estado de São Paulo promete vir com tudo em 2017! Já no fim do ano passado, a cervejaria adotou um novo posicionamento de marketing, apoiados na mudança dos rótulos que foram desenhados pela agência Flex Interativa, de um dos sócios da empresa (Fernando Godói). A grande sacada e inovação do rótulo é a realidade aumentada, conforme vocês podem assistir no vídeo institucional. Achei sensacional!!! Aqui no Rio de Janeiro você encontra os rótulos na Premium Brands! Para visualizar a Realidade Aumentada nos rótulos, baixe o APP "Cerveja Leuven" no Google Play e na App Store.

Entrevistamos uma das sócias da Leuven, Karin Moraes, que gentilmente topou nosso bate-pronto com dez perguntas, para que possamos conhecer mais a cervejaria, seus projetos, os lançamento para este ano e seu plano de expansão.

Como nasceu a Leuven, ou seja, como surgiu a ideia e depois a concepção da cervejaria? A Leuven nasceu em 2010, fruto do sonho de um dos sócios, Alexandre Godoy.

Além de você a empresa possui mais quantos sócios e quantos funcionários?Entrei na sociedade no final de 2014. A sociedade hoje está dividida entre duas famílias, Barreira e Godoy. No dia-dia da empresa, sou a única sócia com dedicação exclusiva. Temos 13 funcionários e contamos hoje com o super Mestre-cervejeiro Sr. Ilceu Dimer, responsável por ajustes importantes em processos, receitas, novos produtos e novas tecnologias

Como vocês enxergam o mercado de cervejas artesanais hoje e qual a projeção para um futuro próximo? O mercado de cerveja artesanal é muito jovem no Brasil, e em contínua expansão e estamos navegando neste crescimento. Trabalhamos não somente pelo crescimento da Leuven, mas também para disseminar cultura cervejeira, pois é ela q vai nos trazer novos consumidores. A partir do momento que qualquer pessoa começa a consumir cervejas artesanais, entra num mundo de sabores, aromas que faz com ele tenha cada vez mais interesse no assunto. Acaba optando por um ou outro estilo, continua experimentando, até se tornar um hábito, um lazer, um prazer, para si mesmo e/ou para dividir com amigos. Por isso que na minha opinião trata-se de uma tendência crescente de consumo sem volta.

Como lidar nos tempos de crise?Trabalhando muito, mas muito mesmo, com obsessão por qualidade. Nunca estamos satisfeitos ou acomodados. Acreditamos no crescimento do mercado, acreditamos no potencial dos nossos clientes e buscamos parcerias sólidas e de longo prazo. Crescimento contínuo, lado a lado com eles.

Quais as maiores dificuldades no setor de cervejas artesanais?A falta de uma publicidade massiva, como a das grandes cervejarias, traz uma lacuna de conhecimento por parte do consumidor que ainda não experimentou, e em alguns casos, por não ter uma referencia bem estabelecida, acaba não entendendo o que está bebendo. Outro ponto é o preço das cervejas artesanais que, em função da escala e qualidade dos ingredientes usados, acabam sendo mais elevados, além dos elevados impostos. Com isso, as margens são baixas, uma luta.

Qual o conselho ou dica para quem está começando a fazer cerveja ou deseja entrar neste mercado? Estude o mercado de ponta-a-ponta e inclua todas as suas variáveis no fluxo de caixa...Entenda que montar uma cervejaria vai além do sonho de fazer cerveja e envolve toda a gestão de uma empresa.

Um estilo de cerveja? Dark Strong Ale (nós ainda não fizemos, mas faremos!!!)

Cerveja combina com...? Amigos! Vibe boa na certa!!

Quais as próximas novidades da Leuven? Devemos lançar dois estilos novos ainda no 1ª semestre de 2017... além da construção de uma fábrica nova! Em breve divulgaremos as novidades....

Como você define cerveja artesanal? Cerveja Artesanal é mais que uma bebida, é algo para sentir prazer, sabores, aromas, beber sozinho, acompanhado...... é algo que com certeza tornará seus momentos muito melhores!!!! Cheers!!!!

Cervejaria Leuven
http://www.cervejaleuven.com.br/
https://www.facebook.com/cervejaleuven/
Rua São Francisco de Assis, 1321 - Centro - Piracicaba
Tel: (19) 3422-1802

Opa Bier Weizen - Degustação nº 842


Uma cerveja tradicional feita com maltes de trigo e cevada, que mantém suas propriedades naturais poe não passar pelo processo de filtração.

Cervejaria: Opa Bier
Origem: Joinville-SC (Brasil)
ABV(%): 4,6
Estilo: German Weizen
Embalagem: Garrafa de 600 ml

Trata-se de uma cerveja de coloração amarela e turva. Apresentou uma espuma de cor branca, média e de baixa persistência, com uma justa transição de renda no copo e presença partículas em suspensão e no fundo. 

No aroma médio e frutado percebe-se a presença de cereal, mel, banana, além de cravo. A presença do lúpulo é quase imperceptível. Sabor frutado, acompanhando o aroma, com dulçor moderado e leve amargor e acidez .

O retrogosto é médio e levemente doce, com leve acidez. Corpo médio-baixo e rescência média. A cerveja tem bom drinkability. Refrescante e fácil de beber. 

Ein prosit!
Luiz Araújo 

Verace 1516 - Degustação nº 841


É uma legítma German Pils e recebe esse nome em homenagem a Reinheitsgebot, a Lei de Pureza Alemã.

Cervejaria: Verace
Origem: Nova Lima-MG (Brasil)
ABV(%): 4,8
Estilo: German Pilsner
Embalagem: Garrafa de 600 ml

É uma cerveja de coloração dourada, com corpo claro. Sua espuma de cor branca apresentou ótima formação, consistente e duradoura, com excelente transição de renda no copo.

No aroma médio o malte remete a pão e cereais. Lupulagem média, com notas herbais e florais. No sabor o malte está presente de forma média e acompanha o aroma. O lúpulo aparece com mediana intensidade. Há um bom equilíbrio.

O retrogosto é amargo, duradouro e seco. Cerveja bem refrescante, com corpo leve, boa carbonatação conferindo ótimo drinkability. Uma ótima cerveja para dias mais quentes! Refrescante e com amargor na medida. Boa cerva!

Prosit!
Luiz Araújo

Itajahy quer chegar a todo Brasil em 2017 e prepara lançamentos para o Festival Brasileiro da Cerveja


Hoje disponível apenas em cidades catarinenses, marca pretende conquistar a outros estados ainda este ano, com a ampliação no número de pontos de vendas. Três novos rótulos chegam ao mercado em março, no maior evento cervejeiro do país

O ano mal começou e já traz grandes e boas perspectivas para a Itajahy. A cervejaria, que nasceu em 2014 com identidade marcante tanto no líquido quanto nos nomes das marcas, prepara uma expansão geográfica dos seus pontos de vendas. Além de intensificar a atuação no Vale do Itajaí, em Santa Catarina, os rótulos devem chegar a outros estados brasileiros ainda no primeiro semestre.

A linha também vai aumentar. Hoje com seis rótulos, a marca deve lançar mais três no Festival Brasileiro da Cerveja, que vai de 8 a 11 de março, em Blumenau (SC). No estande da Itajahy os visitantes também poderão provar três experimentais, que, segundo o cervejeiro Alexandre Mello, também tem potencial para entrarem para a família de produtos.

"Este será um ano muito importante para a Itajahy. Temos o desafio de expandir mantendo a nossa essência que está ligada à qualidade dos produtos, inovação nas receitas e fortalecimento da identidade de Itajaí, que está muito ligada ao mar – desde a pesca até as praias", ressalta Mello.

Para manter o crescimento com qualidade e agilidade nas entregas, a marca passa a produzir as garrafas como cigana na Cerveja Blumenau. A produção de chope segue em Itajaí (SC), na sede da cervejaria, onde também produzirá chope e garrafa para ciganos.

Premiações
Entre as premiações recebidas pela Itajahy nos últimos anos, duas se destacam para o cervejeiro: o ouro da Brava Pale Ale por dois anos consecutivos no Concurso Brasileiro da Cerveja e o quarto lugar da Itajahy Porter no Best of Show do 9º Italian Beer Festival.

"O reconhecimento da Brava no Brasil e em uma categoria tão disputada como a Pale Ale foi muito importante para a disseminação da marca para o público e para que o próprio mercado nacional visse o potencial da Itajahy. Já figurar no Best of Show na Itália foi inesperado e absolutamente incrível", comenta Mello.

Fonte: Melz Assessoria de Imprensa

La Vie Est Belle - Degustação nº 840


Uma cervejaria cigana formada por um casal de brasileiros que residem na cidade de Albany-NY, nos Estados Unidos e que produzem sua cerveja no Estado da Virgínia. A cerveja recebeu mel de flores silvestres e camomila.

Cervejaria: Paraphernalia Craft Ales
Origem: Brasil-EUA
ABV(%): 5,0
Estilo: American Blonde Ale
Embalagem: Garrafa de 355 ml

É uma cerveja de coloração dourada, com corpo turvo. Apresentou boa coroa de espuma, de cor branca, média persistência formando um bom belgian lace no copo. 

No aroma o malte remete a presença de cereais. O lúpulo é floral e a cerveja apresenta ainda notas de  mel, camomila, torta de maçã e frutas amarelas, além de levemente condimentada. O sabor acompanha o aroma, com o dulçor se sobressaindo ao leve amargo. 

O aftertaste é médio e adocicado. Corpo leve, textura sedosa e rescência média. Cerveja com alto drinkability! Boa cerveja!

Salute!
Luiz Araújo

Mestre-Cervejeiro.com chega a Caxias do Sul

Rede de franquias de cervejas artesanais abre primeira loja na Serra Gaúcha.

A rede de franquias de cerveja artesanal, Mestre-Cervejeiro.com, irá inaugurar dia 26 de janeiro sua primeira unidade em Caxias do Sul. Essa é a segunda loja em operação no estado. "O sul do Brasil, onde a cerveja artesanal já é bem consolidada, é uma das regiões foco para o Mestre-Cervejeiro.com e Caxias do Sul, situada em um dos principais pólos vinícolas do país, abre um mercado importante para nós", afirma Daniel Wolff, sommelier de cervejas e diretor da rede.

Localizada na Avenida Julio de Castilhos, 3116 - Sala 3, a loja de 48m², abrirá com mais de 130 rótulos - com destaques para Mestre-Cervejeiro.com Session Porter (Curitiba/PR), Maniba (Novo Hamburgo/RS), St. Feuillien (Bélgica) e Founders (EUA) -, além de um mix de produtos, como camisetas da marca, kits cervejeiros, taças, copos, e petiscos gourmet.

Para os franqueados Rodrigo Flores de Oliveira e Douglas Ferreira a expectativa é disseminar a cultura da cerveja na cidade, oferecendo os melhores rótulos em um ambiente aconchegante. "Escolhemos a maior rede de lojas do ramo de cervejas artesanais do Brasil. O Mestre-Cervejeiro.com é referência em estrutura de loja como um todo, padrão de atendimento consultivo e serviço. Somos apreciadores de cervejas artesanais e muito curiosos, sempre buscamos conhecer novos estilos, por trás de cada cerveja, rótulo ou cervejaria existe uma história, adoramos ouvir todas. A vontade de ter nosso próprio negócio já vem de algum tempo, a expectativa é grande. Queremos oferecer aos nossos clientes uma excelente carta de cervejas artesanais para consumo e até mesmo para presentear alguém especial, além é claro, de poder levar os amigos para descontrair, bater um papo e fazer novas amizades tomando uma ótima cerveja", afirma Douglas.

O Mestre-Cervejeiro.com oferece dois modelos de franquia - os formatos de loja de rua e de quiosque. Os interessados em abrir uma franquia do Mestre-Cervejeiro.com deverão preencher um rápido cadastro no site www.mestre-cervejeiro.com/franquias ou entrar em contato pelo email: contato@mestre-cervejeiro.com

SERVIÇO 
Mestre-Cervejeiro.com Caxias do Sul
Endereço: Av. Julio de Castilhos, 3116 - Sala 3 - São Pelegrino
Telefone: (54) 3066-4610

Fonte: ÔNIXPress

segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

Curiosidade: é possível produzir cerveja na Lua?

Fonte da foto: Cocinatis

Um grupo de estudantes entusiastas da universidade da Califórnia, San Diego, nos EUA, estão estudando a possibilidade de produzir cerveja na Lua.

Os estudantes chegaram aos finais de um concurso chamado Lab2Moon realizado por Teamlndus, uma das quatro equipes que assinaram o contrato para lançamento de uma nave espacial à Lua no âmbito da missão Lunar XPRIZE challenge(competição internacional organizada pela fundação X PRIZE Foundation).

Se os estudantes realmente conseguirem vencer essa competição, vão garantir lugares na nave espacial Teamlndus, podendo se tornar o primeiro grupo na história a produzir cerveja no espaço, mais especificamente – na Lua.

Embora o projeto "tenha começado com sorrisos entre um grupo de amigos", segundo Neeki Ashari, responsável por relações públicas e operações, os motivos dos estudantes estão longe de ser infantis. Por exemplo, sua atividade poderá ajudar a entender como é que a levedura se comporta na Lua.

Fonte: Jornal do Brasil
http://www.jb.com.br/ciencia-e-tecnologia/noticias/2017/01/22/curiosidade-e-possivel-produzir-cerveja-na-lua/

No Brasil, vende-se cerveja, sem as gatas


No Brasil, terra do biquíni fio dental e das dançarinas de carnaval seminuas, um item básico do verão está em falta neste ano: os comerciais de cerveja apelativos.

As quatro maiores cervejarias do país estão deixando de usar estereótipos sexuais em suas propagandas, embarcando na onda da neutralidade de gênero que já é lugar comum em outros lugares. A Ambev, que controla mais de 60 por cento do mercado doméstico, ainda produz conteúdo de marketing provocativo, mas está focada na diversidade, como por exemplo o comercial recente da Budweiser que mostrou um beijo gay durante o horário nobre da TV. Desde o verão passado, a Heineken vem transmitindo uma versão de sua campanha "Procura-se bebedores moderados", na qual baladeiros de ambos os sexos dançam, conversam e bebem efusivamente, mas sabem a hora de dizer não para a próxima cerveja.

O Brasil é o terceiro maior mercado de cervejas do mundo, mas como a longa recessão do país está diminuindo a sede dos consumidores, no ano passado a produção encolheu para os níveis de 2010. Chamar a atenção de mais consumidoras mulheres é a estratégia-chave para aumentar as vendas adotada pela Ambev, e também pela Heineken e pela Brasil Kirin, as últimas duas com cerca de 8 por cento de participação de mercado cada.

"A comunicação de cerveja vem mudando bastante mesmo. No passado tinha uma conotação mais machista. E isso não era uma marca ou outra", disse Glaucia Gouveia, diretora de marketing e eventos da Brasil Kirin, dona da marca Devassa. Até seis meses atrás, a Kirin ressaltava em tom de brincadeira as diversas conotações do nome da marca em anúncios picantes. Agora, repensou o marketing da Devassa em torno de suas origens no Rio de Janeiro. "A mulher cada vez mais tem poder aquisitivo igual ou maior do que o homem", diz Gouveia. "É importante que todo o mercado publicitário fale com essa mulher da forma que ela quer ser abordada."

A nova geração de comerciais no Brasil é bastante diferente dos anúncios dos últimos anos, que sempre forçavam a barra, até mesmo para o mundo machista das propagandas de cervejas. Houve por exemplo uma campanha da Skol, há cerca de uma década, que reinventou as cortinas dos provadores de roupas para que cobrissem apenas o rosto de uma mulher; depois veio o anúncio minimalista da cerveja caseira Helldorado mostrando um homem costurando uma camiseta com as palavras "I love boobs" ("eu adoro peitos"); e não tem como esquecer o comercial de 2015 da Itaipava instruindo os homens sobre como sair do mar quando estivessem visivelmente, digamos, animados pela visão das garotas na praia.

As cervejarias dizem que as regras sociais estão mudando. "A pessoa precisa se sentir bem servindo a marca de cerveja para o amigos", diz a diretora de marketing da Ambev, Paula Nogueira Lindenberg.

Além das implicações sociais, criar anúncios que reconhecem as sensibilidades das consumidoras mulheres simplesmente é algo que faz sentido comercialmente, afirma Mauricio Turra Ponte, professor de marketing e sustentabilidade da Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM).

"Percentualmente o homem ainda consome mais que as mulheres, mas o crescimento nos últimos anos tem sido maior das mulheres do que dos homens", afirma. "As empresas precisam entender e desenvolver produtos que atinjam um público que é crescente. Então em algum momento vão ter que comunicar isso. É isso que estão fazendo atualmente."

Fonte: UOL Economia
http://economia.uol.com.br/noticias/bloomberg/2017/01/19/no-brasil-vende-se-cerveja----sem-as-gatas.htm

Dicas de como harmonizar cerveja artesanal com petiscos do verão


Cerveja, sol, mar, amigos e vários petiscos para acompanhar. Impossível não relaxar com esses acompanhamentos. No entanto, qual a melhor cerveja para harmonizar com os petiscos praianos? “Quando se fala em praia a cerveja mais pedida quase sempre é a Pilsen, no entanto, existem vários outros tipos de cervejas artesanais que combinam e muito com os petiscos disponíveis na beira da praia”, afirma Thomé Calmon, da DeBron Bier. Pensando nisso separamos algumas opções de cerveja que você pode levar para desfrutar de um dia lindo de sol.

Tiras de peixe – A clássica Pilsen é uma excelente pedida, por principalmente por ser amarga. Ela é produzida de acordo com a lei da pureza de 1516, ou seja, puro malte. Uma cerveja de baixa fermentação, dourada e com espuma cremosa. Com aroma que remete a cereais e um suave floral de lúpulo, e sabor leve e refrescante.

Anéis de lula e Ostras – A Witbier termina complementando o sabor do petiscos, por ser bem cítrica”. A cerveja é um estilo típico da escola belga. leva trigo e tem textura saborosa e cremosa. É uma cerveja cuidadosamente condimentada com sementes de coentro, raspas de laranja e limão siciliano. Que traz ma refrescância perfeita para harmonizar com frutos do mar.

Milho verde cozido com manteiga – Encorpada com sabores de fruta, com predominância na banana e no cravo, desta forma, é excelente acompanhamento com o milho verde. De coloração amarelo claro, ligeiramente turva, com espuma abundante, possui aromas e sabores intensos, ressaltando esteres frutados que lembram banana, cravo e noz, a Weizen é a típíca cerveja do verão europeu, perfeita para nosso clima e para novos consumidores da cerveja artesanal. 

Acarajé – O acarajé pede uma cerveja forte e se ele estiver quente (com pimenta) , uma IPA vai muito bem também, já que tem o amargor característico seco refrescante, com notas condimentadas, aroma frutal, floral e cítrico. Com 70 de IBU e 6,1% de teor alcoólico a Debron Ipa exibe um denso creme e apresenta coloração âmbar brilhante. 

Moqueca de peixe – A cerveja ideal é a Pale Ale, que tem bastante presença de malte e lúpulo pra finalizar. A Pale segue a receita mais popular da Inglaterra. É uma cerveja de alta fermentação, de cor laranja acobreado, brilhante e com espuma baixa. Os aromas e sabores remetem ao cítrico com notas frutadas, malte caramelo e lúpulo com médio amargor e de gosto seco.

Tapioca de coco com leite condensado – O leite condensado é um recheio clássico da tapioca e ele cai muito bem com uma stout. A cerveja, além de apresentar aromas de rapadura e chocolate, é levemente amarga, o que contribui para diminuir o doce do leite.

Fonte: 4Comunicação

Heineken confirma que negocia compra da dona da Schin no Brasil

Heineken: objetivo é conseguir que a companhia volte a gerar um lucro operacional por volta ao ano de 2019 (Akos Stiller/Bloomberg)

“Em resposta às especulações da imprensa sobre a Kirin no Brasil, a Heineken confirmou que atualmente está em discussões com a Kirin Holdings Company Limited em relação à transação potencial da Brasil Kirin Holding S.A.”, segundo um comunicado da empresa holandesa.

Nos últimos dias, a imprensa brasileira tinha antecipado as negociações, acrescentando que ambos os grupos poderiam chegar a um acordo em fevereiro próximo.

“As discussões estão em curso e não há certeza de que se feche um acordo”, acrescentou a Heineken.

Em setembro do ano passado, o jornal japonês “Nikkei” noticiou que a Kirin buscaria sócios para revitalizar as operações de sua subsidiária no Brasil, acrescentando que entre as possibilidades ventiladas estaria a de vender parte de suas ações para transformar a sua subsidiária, a Brasil Kirin, em uma empresa de joint venture.

O objetivo é conseguir que a companhia volte a gerar um lucro operacional por volta ao ano de 2019.

A empresa japonesa investiu em 2011 cerca de US$ 2,938 bilhões na compra da brasileira Schincariol, na época o segundo maior fabricante de cerveja do país, a qual rebatizou como Kirin Brasil.

O Brasil é o terceiro maior mercado de venda de cerveja do mundo, atrás de China e Estados Unidos.

Fonte: Exame
http://exame.abril.com.br/negocios/heineken-confirma-que-negocia-compra-da-dona-da-schin-no-brasil/

Conheça a Beer Yoga, o exercício que você faz bebendo cerveja

Ninguém botava fé que a prática ganharia outros países

Depois de ganhar os hipsters de Berlin, a Beer Yoga foi parar na Austrália e já ganhou admiradores no mundo todo.

É claro que a ideia de combinar cerveja e Yoga nasceu na Alemanha – terra de quem sabe apreciar os sabores da vida – mas por lá ninguém botava fé que a prática ganharia outros países.

Ledo engano. Uma adepta do exercício na Alemanha disse em entrevista para o site gringo Mashable que: “A Beer Yoga é o casamento entre dois amores que combinam, a cerveja e a yoga.

Afinal, por séculos elas serviram de terapia para a mente, o corpo e a alma”. Apesar do nome ser engraçado e da ideia ser bem inusitada, a Beer Yoga é uma coisa séria. O fundador da prática, Jhula, explica: “Nós utilizamos toda a filosofia da yoga e a unimos com o prazer de beber cerveja para alcançar os níveis mais altos de consciência”. 

Jhula ainda disse que se inspirou em outros mestres de Yoga norte-americanos que usavam o álcool para atingir uma concepção mais plena do universo.

Se você por acaso estiver dando uma volta por Sydney neste semestre, aulas serão ministradas em um parque público. A adesão? Apenas 10 dólares australianos.

Mas se você está no Brasil e ficou curioso para experimentar, vai ter que esperar. Ainda não existem mestres de yoga por aqui para orientar a prática. Se quiser arriscar, dá para fazer umas posições em casa com uma garrafa de cerveja do lado. É de graça.

Fonte: http://www.24horasnews.com.br/noticias/ver/conheca-a-beer-yoga-o-exercicio-que-voce-faz-bebendo-cerveja.html#sthash.1rQa3j7a.dpuf